Franco da Rocha
11 meses atrás

Visitantes de presos inovam na tentativa de entrar com drogas em cadeias

A busca por alternativas para burlar a revista em presídios de São Paulo continua cada vez mais inusitada. São vários flagrantes que chamam a atenção dos agentes da Secretaria da Administração Penitenciária, responsáveis pelo serviço.

Visitantes de presos inovam na tentativa de entrar com drogas em cadeias
(Foto: SAP/Divulgação)

Segundo a SAP, chama a atenção a quantidade de apreensões de drogas e celulares em alimentos, cigarros, além de uma inédita de agulhas enfiadas em cotonetes.

Na região, os casos foram registrados em Franco da Rocha. Foram três apreensões em unidades da cidade: duas na Penitenciária III (P III) José Aparecido Ribeiro” e uma na Penitenciária II (P II) “Nilton Silva”.

No sábado, 16, companheira de sentenciado foi surpreendida tentando entrar com maconha escondida na marmita. Após passar pelo scanner foi constatado que ela possuía um invólucro introduzido no ânus, porém como conseguiu expelir sozinha, foi conduzida ao pronto-socorro local.

Em outra unidade, uma mulher também foi surpreendida tentando entrar portanto maconha escondida na alimentação e em cigarros. Já na PII, no domingo, 17, companheira de preso foi flagrada ao passar pelo scanner corporal da unidade com algum objeto introduzido em sua genitália. Ela foi conduzida ao pronto-socorro local, onde foi confirmado a presença de um invólucro contendo maconha e cocaína.

Todo visitante flagrado tentando entrar com objetos proibidos como drogas e celulares é levado à Delegacia de Polícia para registro de boletim de ocorrência e suspenso do rol de visitas. O preso que receberia o ilícito é isolado e responde a Procedimento Apuratório Disciplinar.

Flagrantes chamam a atenção dos agentes penitenciários (SAP/Divulgação)

Flagrantes chamam a atenção dos agentes penitenciários (SAP/Divulgação)

 

 

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?