Entretenimento
6 dias atrás

Último Sarau Cultural do ano tem novidades

A última edição de 2018 do Sarau de Caieiras, o Sarau Cultural do Porco a Pá – Arte e Convivência, vai ocorrer no sábado, 10, em Caieiras.

Último Sarau Cultural do ano tem novidades
Quinteto Instrumental Mizifiu (Divulgação)

O encontro que ocorre das 18 às 22h30, começa com o clube de leitura, e o livro do mês é o Cravos da Noite, contos de Willian Delarte. O escritor, premiado duas vezes no Festival de Literatura do Curso de Letras da USP, autor do livro de poemas Sentimento do Fim do Mundo, participa de um bate-papo com o grupo. O evento é aberto a todos, mesmo àqueles que não leram o livro.

Em seguida, o microfone será aberto para as apresentações artísticas do público inscrito, que a cada mês, recebe um número maior de participantes.

Dan Rodrigues, Leila Marques e Lucas Marques (Divulgação)

Mais tarde, o público acompanhará a apresentação do Quinteto Instrumental “Mizifiu”, composto pelos músicos Fábio Marrone (bateria), João Santos (contrabaixo), Marcos Aurélio (guitarra), Edu Tiba (trompete) e Pachequino (saxofone) tocando um repertório de blues, jazz e bossa-nova.

A noite será encerrada com a cantora Leila Marques, acompanhada pelos músicos Dan Rodrigues (percussão) e Lucas Marques (violão), traz o repertório “Amizade, Coração e Mente”, composto basicamente por MPB.
Além de todas essas atrações, têm também o Brechó do Porco e o Sebo, abertos a partir das 17h, e o bar, que funciona durante todo o evento e neste mês está com novidades: no Brechó camisetas e chapéus com a marca do Porco a Pá, e no bar, a cerveja artesanal Porco a Pá.

O premiado escritor, Willian Delarte (Divulgação)

A entrada é gratuita e o encontro acontece no “Porco a Pá (pourquoi pas?) – Arte e Convivência”, na Avenida Olindo Dártora, nº 4560, Morro Grande, Caieiras.

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?