Bem Estar e Saúde
3 semanas atrás

Tratamento oncológico merece atenção mesmo na pandemia

Em curso, a campanha ‘Outubro Rosa’ não acontece por acaso. Em São Paulo, o Instituto do Câncer participa da ação com serviços digitais para a conscientização sobre a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama, além de alertar sobre a importância da manutenção do tratamento durante a pandemia.

Tratamento oncológico merece atenção mesmo na pandemia
(Foto: Reprodução/Internet)

“Dar continuidade ao tratamento de câncer de mama é importante para que a doença não progrida, o que reduz as chances de cura e o tempo de sobrevida dessa paciente”, diz a oncologista e diretora de corpo clínico do Instituto, Maria Del Pilar Estevez Diz.

O Instituto adotou medidas para que os pacientes pudessem dar continuidade aos seus tratamentos de maneira segura. Isso também vale para novos diagnósticos, pois muitas mulheres estão esperando a pandemia acabar para retomar consultas médicas e exames de rotina para detecção do câncer de mama.

“Não é preciso ter medo, basta seguir se protegendo da COVID-19, com distanciamento social, uso de máscara, higiene das mãos e uso de álcool em gel”, alerta a oncologista.

Sinais de alerta
Para a médica responsável pelo Grupo de Oncologia Mamária, Laura Testa, é importante não negligenciar os sinais de alerta e buscar um ginecologista ou mastologista. “Um diagnóstico precoce possibilita tratamentos menos invasivos, com maiores chances de sucesso e mais qualidade de vida ao paciente”, afirma. O câncer de mama é o tipo da doença maligna mais comum entre as mulheres no mundo todo. No Instituto, os grupos de Mastologia e Oncologia Mamária realizam em média 4,2 mil consultas médicas por mês.

O câncer de mama é a multiplicação incontrolável de células anormais, podendo ter origem por alterações genéticas (adquiridas ou hereditárias) e boa parte dos diagnósticos têm evolução favorável se tratados em tempo adequado.

Por isso, é importante conhecer o seu corpo e ficar alerta aos sinais incomuns que ele possa apresentar, como retração da pele, vermelhidão, inchaço com aspecto semelhante à casca de laranja, ferida ou descamação do mamilo e saída de secreção.

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?