Polícia
3 meses atrás

Sequestrador foi morto por atirador de elite da polícia no Rio

Depois de três horas e meia mantendo reféns dentro de um ônibus na na Ponte Rio-Niterói, o sequestrador que utilizou uma arma de brinquedo para sequestrar um ônibus no Rio, na manhã desta terça-feira, 20, foi morto por um atirador de elite da polícia. Por volta das 9 horas da manhã, uma sequência de tiros foi ouvida, seguida por comemoração de policiais.

Sequestrador foi morto por atirador de elite da polícia no Rio
(Foto: Reprodução/TV Globo)

De acordo com informações do coronel Mauro Fliess, porta-voz da PM do RJ, em entrevista à Rede Globo, o atirador morreu na ação do sniper e todos os reféns foram liberados, sem sofrer nenhum tipo de ferimento.

A polícia não confirmou a identidade do sequestrador ou mesmo a motivação. Agentes negociaram por horas com o suspeito, que chegou a liberar seis reféns. Ao todo, eram 37 pessoas dentro do veículo sob o homem armado – com pistola de brinquedo, faca, arma de choque e gasolina.

Alegando problemas pessoais, segundo relatos de reféns soltos durante a negociação, ele fez passageiros de um ônibus da Viação Galo Branco enfrentarem momento de pânico. De acordo com informações da polícia, ele entrou armado dentro do coletivo e pediu para que o motorista estacionasse o ônibus de modo que ficasse atravessado na pista, fechando totalmente a passagem de motoristas.

A Record TV que fazia a cobertura ao vivo do cerco policial flagrou o momento que o sequestrador foi atingido. Confira:

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?