Política
2 anos atrás

Regularização de título dever ser feita até maio

UP TituloO prazo para transferir o título de eleitor ou pedir a emissão do documento, no caso de jovens com mais de 16 anos, termina em 4 de maio. Quem está com o título cancelado por ter deixado de votar no último pleito também tem até esta data para regularizar a situação.

Neste ano, o primeiro turno das eleições municipais, que vão definir novos prefeitos e vereadores, está marcado para 2 de outubro. Nas cidades em que houver segundo turno, ele ocorrerá no dia 30.

Para os eleitores de Caieiras que se enquadram em algumas dessas situações é necessário se dirigirem até o Cartório Eleitoral de Franco da Rocha que voltou a funcionar no começo do mês depois de ser atingido pela enchente em 11 de março.

Para solicitar ou fazer a transferência do título de eleitor é necessário realizar o agendamento pelo site do TRE, Tribunal Regional Eleitoral, tornando o atendimento mais rápido. O munícipe também pode ir direto ao cartório eleitoral, mas as pessoas que tiverem feito o agendamento terão prioridade.

Embora esteja sendo muito divulgado, para o Estado de São Paulo o cadastramento biométrico ainda não é obrigatório. Ele é feito conforme as pessoas procuram os serviços do Cartório Eleitoral, quando os dados dos eleitores serão atualizados e o cadastramento será feito.

Os documentos necessários para realizar os procedimentos também podem ser consultados no site do TRE.

O Cartório Eleitoral de Franco da Rocha fica na Rua General Vicente de Paula Coutinho, nº 22, Vila Vera Cruz, próximo à estação de trem. A unidade funciona das 9 às 18 horas. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4449-4544 ou ligar na Central de Informações ao Eleitor pelo número 148.

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?