Editorial
6 dias atrás

Quem não deve, não teme

Vivemos num país incrível chamado Brasil. Excelente e exuberante por natureza é adorado por muitos e ainda mais por nos brasileiros. Mas só quem vive por aqui sabe que a riqueza dessa terra contrasta com os interesses de quem nos representa: os políticos.

Quem não deve, não teme
Foto: Reprodução/Pixabay

Nas mãos deles, nada ou quase pouco entra nos eixos e a população e as pessoas de bem, como sempre, são os que pagam as altas faturas representadas pela ganância.

No mais novo episódio das barbáries envolvendo nossos representantes, estamos diante de mais um circo com a instalação de uma CPI criada para investigar as ações e omissões no enfrentamento ao coronavírus. Serão averiguados os governos federais e estaduais, além dos municipais.

Mas até para se criar uma Comissão Parlamentar de Inquérito existem conflitos de interesse. Não há como o Brasil caminhar rumo ao crescimento, se nem na instauração de um procedimento para averiguar irregularidades é possível ter o mínimo de ordem e imparcialidade.

Enquanto discutem, o povo sofre. É desumano, uma covardia com o povo brasileiro neste momento de crise sanitária, desemprego e fome.

Infelizmente, estamos nas mãos de pessoas do mal e os poucos políticos bons que ainda existem não conseguem impor ideias, projetos e promover benfeitorias aos cidadãos.

Quem não deve, não teme. Porém, já são tantas dificuldades impostas nesta CPI que dá até medo do que está por vir.

É torcer para que seja conduzida de forma minimamente séria e traga resultados, incluindo punições para quem teve o desrespeito de se aproveitar da pandemia para tirar proveito. Que os responsáveis por investigar defendam os interesses do país.

Por falar em interesse e defender nossa Nação, o que dizer da decisão da Anvisa em vetar a importação da vacina russa Sputnik V? Está ai mais um questionamento que pegou os brasileiros de surpresa. Uns dizem que a Anvisa agiu com interesses políticos. Outros concordam com a avaliação.

É de se lamentar. Contudo, as restrições apontadas pela agência são graves e, até inéditas no mundo. Ou se está diante de um erro brutal ou de um achado de relevância planetária.

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?