Cotidiano
5 dias atrás

PIX ganha novas regras para o horário noturno a ser definido pelos usuários

Cerca de 110 milhões de usuários utilizam o sistema Pix. Após o relato de fraudes e golpes, o Banco Central tem aprimorado o sistema. A mais nova medida adotada envolve as operações no período noturno em que as contas de pessoas físicas têm limite de R$ 1.000 para transferências e pagamentos.

PIX ganha novas regras para o horário noturno a ser definido pelos usuários
Foto: Arquivo RN

A partir de agora, com a mudança, esse período deve começar, no máximo, às 22h, de acordo com a nova regra, em horário a ser definido pelos próprios usuários do Pix. O período dura até as 6h do dia seguinte. Antes, o período noturno podia começar entre 20h e 23h59.

Criado para evitar crimes

O período noturno do Pix foi criado em outubro deste ano para evitar golpes, roubos e sequestros ligados ao serviço. Em São Paulo, por exemplo, sequestros-relâmpago foram impulsionados em 2021 por conta da facilidade do pagamento, segundo dados do estado revelados pelo portal Nexo. De acordo com a nova regra do Banco Central, os usuários do Pix têm até 29 de julho de 2022 para estipular quando começa o período noturno.

Na medida divulgada pelo Diário Oficial da União, o órgão também define que os bancos poderão bloquear preventivamente operações consideradas suspeitas. É possível pedir a alteração do limite de R$ 1.000 no horário noturno. Para isso, os clientes devem entrar em contato com suas instituições financeiras. Os aumentos de limites costumam ser efetivados entre 24h e 48h após o pedido.

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?