Franco da Rocha
6 meses atrás

Pacientes apontam abandono de posto de saúde no Lago Azul

Pacientes que precisam de atendimento no posto de saúde da Avenida Tonico Lenci, no Lago Azul, em Franco da Rocha, denunciaram por meio da rede social na página ‘Franco é População’ que a unidade está abandonada e sem condições de prestar serviço adequadamente.

Pacientes apontam abandono de posto de saúde no Lago Azul
De maneira geral, incluindo mato ao redor, o prédio e equipamentos que compõem o atendimento aos cidadãos estão em péssimo estado de conservação (Regional News)

Por meio de fotos, eles retratam a atual situação da unidade mostrando o local estar tomado por mato e outras questões adversas como: falta de bebedouro, apenas um ventilador, cadeiras quebradas e pessoas sendo atendidas em meio as obras que tiveram início, mas não foram finalizadas.

Em outro relato postado, alegam que pacientes precisam levar ataduras para curativos em razão da posto de saúde não ter. Por fim, apelam para que o prefeito e vereadores tomem conhecimento e pedem providências.

Quem precisou de atendimento atesta a situação e relata mais problemas. Foi o caso de Silvana da Silva em seu comentário na postagem. “É a mais pura verdade. Está um descaso. Nem vitamina para as gestantes tem. É um local cheio de mosquitos devido ao altura do mato. Sem dizer que cachorros de ruas com doença frequentando o mesmo lugar onde vai bebês recém-nascidos e pessoas fazerem curativos”, escreveu.

Cadeiras danificadas, mato alto e materiais de construção expostos são alguns dos problemas na unidade (Regional News)

Rosângela Carla foi outra cidadã que disparou críticas. “É um absurdo o posto de saúde chegar a essa situação. Uma falta de respeito e descaso com os pacientes e os próprios funcionários”, declarou.
Em outro comentário, Antonio Seifert questionou: “que relaxo é esse?”, cobrando uma postura dos atuais governantes.

Em busca de esclarecimentos, o jornal Regional News entrou em contato com a assessoria de imprensa da prefeitura de Franco da Rocha. Porém, nenhuma resposta foi encaminhada até o fechamento da edição.

Cadeiras danificadas, mato alto e materiais de construção expostos são alguns dos problemas na unidade (Regional News)

Cadeiras danificadas, mato alto e materiais de construção expostos são alguns dos problemas na unidade (Arquivo Pessoal)

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?