Caieiras
4 meses atrás

Obra visa acabar com enchentes em Caieiras

Os problemas enfrentados por Caieiras em razão da chuva acima da média que atingiu todo estado de São Paulo, deixando a Capital Paulista e outras cidades intransitáveis, promoveram questionamentos acerca de algumas obras e aterros que estão em andamento em vários pontos do município.

Obra visa acabar com enchentes em Caieiras
Área onde está sendo realizada a obra do Ecoparque recebe movimentações e adequações para, além de atender o novo empreendimento, evitar alagamentos (Regional News)

Foram vários os comentários na página do Facebook do jornal Regional News a cada imagem publicada mostrando como estavam alguns pontos da cidade. Uma das postagens que gerou várias perguntas direcionadas à prefeitura foi em relação a área do PEC, já que há movimentação de terra nesse espaço, local onde sempre houve registros de inundações, que chegou a demorar dias para drenar.

A maioria das explanações voltavam a perguntar o que está sendo feito no local, já que o histórico de alagamento e enchentes em Caieiras tem vários pontos que deixam a cidade intransitável, assim como na maior metrópole financeira, a cidade de São Paulo, que viu suas duas maiores vias de acesso se transformarem em uma coisa única unidas pela água excessiva do rio Tietê que fez transbordar e alagar as Marginais Tietê e Pinheiros.
Para esclarecer sobre o assunto e buscar uma resposta aos leitores, entrevistamos o prefeito Gersinho Romero que falou sobre o que está sendo feito na área do PEC.

De acordo com ele, a obra faz parte da segunda etapa do Ecoparque, mas prioriza acabar com o alagamento em dias de chuva. “Estamos fazendo o alteamento do espaço. É uma área que contempla o Ecoparque e uma local utilizado para eventos que tem problemas em época de chuva. Mas o fator primordial é o escoamento de água da chuva. O trabalho feito lá é para tentar solucionar a questão das enchentes, mesmo em dias de chuvas atípicas como a que ocorreu na segunda-feira, 10”, disse Gersinho.

Segundo o prefeito, trata-se de um serviço que visa resolver vários problemas, além de adequação para instalação do parque. “Vamos deixar o terreno no mesmo nível da Estação de Tratamento de Esgoto feita pelo Governo do Estado. Vai ficar mais segura e terá um sistema de bombeamento que vai melhorar esses problemas com alagamento. Vai ser parque, vamos refazer o campo e melhorar a estrutura desse local”, declarou.

O prefeito aproveitou para falar do trabalho de prevenção que tem feito e que tem contribuído para minimizar as questões das enchentes. “É bom frisar que fazemos a retirada de detritos do Rio Juqueri frequentemente. É um trabalho de prevenção que pouca gente vê, mas é realizado quase que diariamente. Devido a isso a água escoa mais rapidamente. Basta comparar com 2017 quando demorou quase três dias para drenar. Dessa vez, no dia seguinte, estava tudo praticamente normal”, finalizou Gersinho.

Área onde está sendo realizada a obra do Ecoparque recebe movimentações e adequações para, além de atender o novo empreendimento, evitar alagamentos (Regional News)

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?