Bem Estar e Saúde
7 dias atrás

Internações por Covid-19 aumentaram em São Paulo

A situação da covid-19 voltou a se agravar em alguns países e já acende o sinal de alerta também no Brasil. Na Europa e nos Estados Unidos os hospitais estão próximos do limite de capacidade de atendimento e o aumento de infectados fez com que líderes de nações como Reino Unido, Espanha e França decretaram toques de recolher e lockdowns.

Internações por Covid-19 aumentaram em São Paulo
Reprodução

Por aqui, alguns indicadores sinalizam que o País também pode estar à beira de uma segunda onda. Em São Paulo, epicentro no caso de mortes e caso, o governo prorrogou a quarentena no estado até o dia 16 de dezembro. Durante a coletiva de imprensa, representantes da Secretaria de Saúde admitiram que ocorreu um aumento nas internações pelo coronavírus no estado.

Na última semana epidemiológica, que vai do dia 8 ao dia 14 de novembro, as internações de casos suspeitos e confirmados da doença cresceram 18% em relação à semana anterior: a média diária das novas internações subiu de 859 para 1.009.

De acordo com epidemiologistas e matemáticos ouvidos pela BBC Brasil, é praticamente impossível impedir que esse rebote ocorra, como mostram experiências com pandemias do passado e a atual situação europeia. A dificuldade maior está em prever quando ela exatamente vai começar.

A flexibilização adotada na maioria das capitais não foi seguida como prevista pela população com os protocolos de segurança. Basta andar pelas ruas e notar que muitos relaxaram e nem máscara utilizam mais. “As pessoas não estão levando a sérios e acham que a doença desapareceu. Até mesmo muitos comerciantes relaxaram e não cumprem mais os protocolos”, disse Bruno Lopes, que reside em Caieiras.

Monique Carvalho é moratense e também diz estar preocupada com o tanto de gente nas ruas se aglomerando e sem proteção. “O centro da cidade tem sido muito movimentado nas últimas semanas. Grande parte não utiliza mais máscara e isso é muito preocupante. Acho que está faltando fiscalização em todas as cidades, não apenas em Francisco Morato”, falou.

O Estado de São Paulo continua na Fase Verde do Plano SP. O aumento nos casos impediu que o estado avançasse para a Fase Azul. A próxima atualização, prevista para segunda, 17, vai acontecer apenas no dia 30 de novembro. A decisão pela alteração da data acontece, segundo o governador Joao Doria, por precaução por conta da instabilidade no sistema do Ministério da Saúde, que tem atrasado os boletins sobre a pandemia.

Reprodução

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?