Caieiras
1 semana atrás

GCM aperta o cerco contra o cerol em Caieiras

Soltar pipa pode deixar de ser uma diversão se não for realizada de maneira correta e segura. Aliás, estamos diante de uma questão que demanda atenção já que acidentes graves são registrados e, em muitos casos, ocorrem por irresponsabilidade daqueles que vendem ou soltam o ‘papagaio’ com cerol e linha chilena.

GCM aperta o cerco contra o cerol em Caieiras
Foto: Reprodução

Essa semana, a prefeitura de Caieiras fez uma postagem chamando atenção para o problema e reforçando o que o uso de linha com vidro moído cm colar pode ocasionar. Dentre as situações graves, conduzir eletricidade e provocar descargas elétricas, além de inúmeros acidentes com pedestres, ciclistas e motociclistas.

Em Caieiras, para evitar ocorrências envolvendo o uso de cerol, desde 2001, a Lei 3082 proíbe a utilização de material cortante na linha. Portanto, quem não segue a regra está sujeito a punições. A responsabilidade pela fiscalização está a cargo da Guarda Civil Municipal que tem intensificado as ações contra a venda e uso. Nos últimos dias, a corporação fez a apreensão de cerol e vários carretéis de linha chilena.

Quando pessoas são flagradas, os GCMs estão autorizados a recolher o material, além de aplicar advertência e penalidades. No caso de infrator menor de idade, as sanções serão aplicadas na pessoa de seus responsáveis legais, na forma da legislação civil. Segundo a prefeitura de Caieiras, se você flagrar alguém usando ou souber quem comercializa linhas cortantes (com cerol ou linha chilena), denuncie entrando em contato com a GCM pelo telefone 153. Sua identidade permanecerá sob sigilo absoluto e você estará ajudando a salvar vidas.

Foto: Divulgação/PMC

Na região, apenas Caieiras conta com norma municipal. Em Franco da Rocha e Francisco Morato os casos são tratados com base na Lei Estadual nº 12.192/2006 que proíbe a utilização de cerol ou qualquer produto semelhante em linhas de pipa em todo o Estado de São Paulo. A fiscalização está sob responsabilidade da Polícia Militar.

Dicas

Os animais, especialmente as aves, também não estão livres dos cortes promovidos pela linha com material cortante. Até mesmo quem solta pipas acaba pode se ferir com o uso do material.

Para evitar problemas e fazer com que a prática não passe de momentos de diversão, algumas regras devem ser seguidas. Dentre as dicas para evitar acidentes estão não soltar pipa com cerol, evitar empinar perto de antenas, postes e fios elétricos, soltar sempre em lugares abertos, evitar praticar em lugares altos, tais como telhados e lajes, e nunca soltar pipas em dias de chuva, principalmente se houver relâmpagos.

Soltar pipa perto de fios de alta tensão é perigoso – Foto: Arquivo RN

Siga o Rnews nas redes sociais

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?