Bem Estar e Saúde
3 semanas atrás

Capuchinha, a florzinha da saúde

Nativa do Peru e México, a capuchinha é usada na medicina popular desde os primeiros povos andinos para prevenir infecções e combater febres. A erva tem ações expectorante, antibiótica, purgativa, digestiva, antisséptica, desinfetante, depurativa, sedativa e estimulante.

Capuchinha, a florzinha da saúde
(Foto: Reprodução)

É indicada em casos de infecções urinárias e retenção de líquidos, já que sua propriedade diurética aumenta a eliminação de líquido do organismo, promovendo uma ‘limpeza’ no trato urinário. Também é um detox do corpo, eliminando as toxinas e bactérias ao aumentar a capacidade antioxidante do organismo, estimulando a produção de enzimas do fígado que protegem as células de danos como o fumo, a poluição e o efeito do sol.

Tosses e resfriados também podem ser curados por esta erva, além de aliviar diversos problemas do sistema digestivo. Externamente atua na cicatrização de feridas, alívio de alergias na pele e acnes e auxilia na eliminação da caspa e fortalecimento dos fios capilares.

Consumida em altas doses pode ocasionar irritação gástrica e baixar a pressão sanguínea. É contraindicada em casos de gastrite, hipotireoidismo, insuficiência renal ou cardíaca, gestação e lactação. Em todos os casos pede-se para seguir as orientações de um especialista antes de fazer uso da capuchinha para fins medicinais.

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?