Cidades
2 semanas atrás

Calçada e acessibilidade são criticadas por pedestres

A falta de manutenção em calçadas é um problema que atinge muitas cidades. Buracos, piso deformado e falta de acessibilidade são algumas questões apontadas por quem enfrenta essa situação diariamente ao andar pelas calçadas.

Calçada e acessibilidade são criticadas por pedestres
Um exemplo de calçada danificada na Avenida 7 de Setembro, centro de Franco da Rocha, obriga as pessoas a se equilibrarem entre a rua e os buracos (Foto: Regional News)

O tema é polêmico, afinal existe divisão de responsabilidades entre o poder público e o cidadão, quanto a conservação e reparos. As reclamações são constantes e alcançam ocorrências em várias cidades, mas Franco da Rocha e Caieiras foram as visitadas pela equipe do jornal Regional News.

Os pedestres que já enfrenta problemas nesse sentido, só perdem para os cadeirantes ou pessoas com alguma deficiência porque sofrem mais para acessar e trafegar pelos passeios.

Na cidade franco-rochense, uma situação aparente e perigosa foi registrada na Avenida Sete de Setembro, local de grande circulação de pessoas em razão dos vários comércios existentes. No trecho citado, os bloquetes se soltaram o risco de acidentes no local é grande, em especial aos idosos. “Faz tempo que está assim. Muitas pessoas de idade passam por aqui por ficar ao lado de um mercado e ninguém faz nada. Se a prefeitura não tem responsabilidade, que notifique o responsável para fazer. Só não pode deixar assim”, falou um idoso que passava pelo local.

Não apenas na região central da cidade mas também nos bairros de Franco da Rocha existem problemas com falta de conservação das calçadas. “É difícil administrar essa situação. A prefeitura nem sempre tem responsabilidade, mas pode cobrar do proprietário do imóvel a manutenção”, disse Altair Gonçalves da Vila Ramos.

Piso da calçada na Avenida 7 de Setembro, em Franco da Rocha, pode causar acidente a pedestres (Foto: Regional News)

Rampa de acessibilidade está danificada e precisa ser trocada para evitar acidentes (Foto: Regional News)

Em Caieiras, algumas matérias chamando atenção para essa questão foram feitas pelo jornal Regional News. Mesmo existindo uma Lei Municipal nº 4049/2007 e o Código de Obras do Município nº 274/63, que regulamentam essa ação, também é possível ver problemas em bairros e região central do município.

A situação que só piora, agora ganha mais uma questão com a falta de acessibilidade. A maioria das rampas para atender essas pessoas está danificada. Em outros locais, a falta de acesso complica a vida dos deficientes. “Não dá para utilizar essa rampa que fica na Rua Manoel Gaspar, próximo aos bancos. Do jeito que está, ao invés de ajudar, pode causar um acidente”, disse José Carlos Almeida.

Nos bairros, a situação mais complicada envolve a má conservação dos passeios. “Não existe um padrão e nós pedestres sofremos”, contou Ana Clara Santos, moradora do Jardim Marcelino.

Para esclarecer sobre ações, campanhas e soluções, as prefeituras foram procuradas. Em Caieiras, o prefeito Gersinho Romero reconhece os problemas e informou que em até um mês vai mandar para Câmara Municipal um pedido de revisão do código de ética e postura. “Esse código é de 1963, muito antigo. Estamos atualizando ele com prioridade em aperfeiçoar o sistema de acessibilidade. Depois de aprovado pela Câmara, teremos mecanismos de fiscalizar as calçadas do município”, esclareceu.

A prefeitura de Franco da Rocha não encaminhou resposta até o fechamento da edição.

Idosos e deficientes também enfrentam problemas nas calçadas da região central de Caieiras (Foto: Regional News)

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?