Cotidiano
2 semanas atrás

2021 terá nove feriados nacionais

Nove feriados nacionais, sem contar os feriados estaduais e municipais, como o do Dia da Consciência Negra e aniversários das cidades. Este é o calendário de 2021 para quem gosta de se programar para uma viagem, passeio ou descanso.

2021 terá nove feriados nacionais
Reprodução

A Paixão de Cristo e a Proclamação da República, são dois com abrangência em todo Brasil que serão prolongados. Eles vão cair em segundas ou sextas-feiras e, portanto, emendam com o final de semana.

Este ano, apenas um feriado cairá em um final de semana: 1º de maio, o Dia Mundial do Trabalho, que será em um sábado.

Carnaval e Corpus Christi não são feriados nacionais. As duas datas serão consideradas pontos facultativos no serviço público federal. Mesmo assim, são feriados estaduais ou municipais em muitos locais, oportunizando mais duas datas para algumas pessoas.

Feriados nacionais em 2021

1º de janeiro (sexta) – Confraternização Universal
2, 3 e 4 de abril (sexta a domingo) – Paixão de Cristo é dia 2
21 de abril (quarta-feira) – Tiradentes
1º de maio (sábado) – Dia Mundial do Trabalho
7 de setembro (terça-feira) – Independência do Brasil
12 de outubro (terça-feira) – Nossa Senhora Aparecida
2 de novembro (terça-feira) – Finados
13, 14 e 15 de novembro (sábado, domingo e segunda) – Proclamação da República é dia 15
25 e 26 de dezembro (sábado e domingo) – Natal é dia 25

Pontos facultativos em 2021

13 a 17 de fevereiro (sábado a quarta) – Carnaval é ponto facultativo o dia inteiro na segunda e na terça-feira e até as 14h na Quarta-Feira de Cinzas
3 junho (quinta-feira) – Corpus Christi
28 de outubro (quinta) – Dia do Servidor Público
24 de dezembro (sexta-feira) – véspera de Natal – ponto facultativo após as 14h
31 de dezembro (sexta-feira) – véspera de Ano Novo – ponto facultativo após as 14h

Regional News

Com seriedade, respeito e compromisso com o leitor, o REGIONAL NEWS se propõe a preencher a lacuna existente no eixo LAPA – JUNDIAÍ, fechando parcerias e viabilizando o maior órgão de imprensa regional.

Buscar a verdade sempre, independente das forças e interesses contrários que a vida pública possa apresentar, sem jamais discriminar raça, credo, religião, posição sócio-econômica ou outras.

Vamos Bater um Papo?