Quem não conseguiu acompanhar a as edições do jornal Regional News, em 03 fevereiro de 2012, na edição de nº 1084 foi publicado o que hoje ao Tribunal de Contas confirmou em 13 de junho. O órgão julgou irregular o contrato no valor de R$7.847.279,24 feito pela prefeitura de Caieiras durante a gestão do ex-prefeito Roberto Hamamoto.

Desta vez, entre outros apontamentos, o órgão entendeu que a contratação da empresa Citeluz Serviços de Iluminação Urbana S/A não seguiu os trâmites legais em permitir a participação de outros concorrentes no certame.

A empresa foi contratada para prestação de serviços de gestão integrada do sistema de iluminação pública do município. O acórdão TC-007529/026/12 foi publicado no Diário Oficial do Estado na terça-feira, 13.

Além de julgar irregulares a concorrência e o contrato, o Tribunal de Contas aplicou uma multa ao ex-prefeito Roberto Hamamoto no valor de 300 Ufesps, equivalente ao valor de R$ 6.375.

Confira detalhes do Acórdão.