memoria

E lá se vão 95 anos desde que a KDKA foi ao ar como a primeira rádio comercial do mundo. A Rádio KDKA de Pittsburgh, cidade da Pensilvânia, EUA, iniciou suas transmissões em 2 de novembro de 1920, com equipamentos usados na 1ª Guerra Mundial.

O primeiro noticiário da KDKA no dia de sua estreia foi a cobertura das eleições presidenciais americanas daquele ano, com a vitória do senador republicano Warren Harding e a derrota do democrata James Cox. Em seu estúdio, apenas quatro homens operavam todos os equipamentos e preparavam os textos das notícias.

Um jornal protestou contra o nascimento da emissora: “Essa rádio, radiotelefonia, ou seja lá o que for, não vale qualquer discussão”. Outro diário previu que a publicidade no rádio não apenas seria ineficaz, mas ofensiva aos ouvintes. Para contrariar sua opinião, a Rádio WEAF, de Nova York, transmitia o primeiro anúncio comercial pago do mundo, em 1922, que custava ao anunciante a fortuna de US$ 50 pelo total de dez minutos.

Não é surpreendente que ela ainda exista e esteja no ar, e pode ser ouvida na internet, no site www.kdka.com, ou no endereço mais moderno: http://pittsburgh.cbslocal.com/.

A invenção
O italiano Guilherme Marconi havia demonstrado em 1901 a possibilidade da comunicação sem fio de longa distância ao transmitir pela primeira vez um sinal de rádio através do Atlântico Norte. Da Cornualha, ao sul da Inglaterra, um sinal de rádio, a letra S em código Morse, foi transmitida para o Canadá, e captada na Terra Nova.

Não há dúvida de que Marconi é o inventor do rádio, embora o mundo conheça pioneiros de talento como o padre brasileiro Roberto Landell de Moura, que em 1899, demonstrou publicamente a viabilidade do uso das ondas hertzianas, ao transmitir sinais de áudio, em uma distância de oito quilômetros, da Avenida Paulista à colina de Santana. O fato foi registrado pela imprensa da época, inclusive pelo jornal O Estado de S. Paulo. Incompreendido e acusado de ter parte com o demônio, o padre Landell não obteve apoio do governo brasileiro e quase foi excomungado pela Igreja Católica. Desencantado, foi para os Estados Unidos e lá registrou diversas patentes no US Patent Office.